Cláudio “Botafogo” Messias -7 de maio

ClaudioPROPINA

E não é que pode remédio contra a propina e a corrupção deslavada, cujo vírus foi propagado por uma gangue do PT, que tem entre seus principais representantes o ex-tesoureiro nacional João Vaccari Neto. Pensando nisso é que a Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 880/03, do atual presidente da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que obriga a União a comprar remédios e equipamentos de saúde diretamente dos fabricantes originais. A proposta proíbe compras associadas a intermediadores ou distribuidores. “É público e notório que a presença desnecessária de intermediários, altera o preço, estimula a corrupção e facilita a sonegação fiscal”, justificou Eduardo Cunha, à época que protocolou o projeto.

TESOUREIRO

Será que o biólogo Márcio Macedo saberá como combater a pandemia da corrupção, que mina no PT. Como novo tesoureiro nacional, o ex-deputado federal, segundo dizem, terá que achar um inseticida muito poderoso, para combater o bichinho da corrupção, que adora coisa vermelha, comentava um gaiato no calçadão. Tomara que sim. Ele é sério.

PENSÃO

A medida provisória do ajuste fiscal que altera as regras para concessão de pensão por morte e auxílio-doença (MP 664/14) foi aprovada pela comissão mista criada para analisar a proposta. O texto aprovado é o relatório do deputado Carlos Zarattini (PT-SP). A proposta agora segue para análise do Plenário da Câmara, onde tranca a pauta de votações.Ele reduziu de 24 para 18 meses o prazo mínimo de contribuição para que o cônjuge ou companheiro tenha direito à pensão por morte. A medida também exige um tempo mínimo de dois anos de casamento ou união estável. Mas o relatório prevê que, no caso de o segurado morrer antes de completar 18 meses de contribuição, ou se a união tiver menos de dois anos, o parceiro terá direito a quatro meses de pensão. Pelo menos dará pagar as velas e um caixão de tábua de caixote de feira.

BANIDAGEM -

Apesar das afirmações de alguns bandidos presos pela Operação Lava Jato, os bilhões roubados na Petrobras pelas gangues do PT, PMDB  e PP, não retornam aos cofres da estatal. Vejam o que um deles diz: O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, disse que o empresário Fernando Soares, apontado pelo Ministério Público como operador do PMDB no esquema de corrupção na estatal, pagou a ele 1,5 milhão de dólares “para não atrapalhar” a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos.

LIGAÇÕES EXPLOSIVAS

Segundo a denúncia da Operação Lava Jato, o bandido empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, era ligado ao então diretor da área Internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, indicado pelo PMDB para o cargo. Os dois estão presos em Curitiba (PR) e negam qualquer envolvimento em irregularidades. A mesma acusação já tinha sido feita por Paulo Roberto Costa à Justiça Federal, em processo de delação premiada. “[Baiano] me procurou e a frase que usou foi essa: que eu, como técnico da área de refinaria, não atrapalhasse a negociação”, disse Costa, respondendo a pergunta do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), na CPI da Petrobras.

MEMÓRIA

É bom lembrar que quem autorizou a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos da América, que deu prejuízo de mais de um bilhão de dólares a Petrobras, foi a presidente Dilma Rousseff, quando presidente do Conselho Administrativo da estatal brasileira e teve o aval do seu companheiro e mentor político ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o Lula, que deu a canetada final. E aí. Como eles ficam nesta história toda?

NÃO SABE

Se perguntarem a Lula se ele sabe que Pasadena foi comprada no seu Governo, ele é capaz de dizer que não sabe de nada. Talvez, nem lembre mais que foi presidente do Brasil e que foi nos oito anos de sua gestão, que explodiram as roubalheiras dos Correios, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Petrobras. Mas a oposição foi, no mínimo, conivente, porque deixou tudo passar em branco, para não fazer de Lula um mártir, mas quem foi martirizada foi à população brasileira, que agora paga tudo várias vezes.

PEGA LADRÃO

Quem terá coragem de executar a ordem, se alguém gritar pega ladrão. E não é que o Paulo Roberto Costa listou alguns políticos bandidos, que tiraram o dinheiro do povo via Petrobras. Aliás, a propina move esta turma. E lá se vai à lista: - os senadores Ciro Nogueira (PP-PI), Renan Calheiros (PMDB-AL), Romero Jucá (PMDB-RR), Edson Lobão (PMDB-MA), Valdir Raupp (PMDB-RO), Gleisi Hoffmann (PT-PR), Humberto Costa (PT-PE), Lindberg Faria (PT-RJ) e Fernando Bezerra (PSB-PE); os deputados Benedito de Lira (PP-AL), Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), Simão Sessim (PP-RJ), Luiz Fernando Faria (PP-MG), José Otavio Germano (PP-RS), Mário Negromonte (PP-BA), Aníbal Gomes (PMDB-CE), Eduardo da Fonte (PP-PE), Arthur Lira (PP-AL) e Nelson Meurer (PP-PR);  os ex-deputados Pedro Corrêa (PP-PE), Pedro Henry (PP-MT), Cândido Vaccarezza (PT-SP) e João Pizolatti (PP-SC); os ex-senadores Sérgio Guerra (PSDB-PE), já falecido, e Roseana Sarney (PFL-MA);

- o ex-ministro das Comunicações Paulo Bernardo (PT);

- o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB); e o atual governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB).

NAUFRAGAR

E não é que o transatlântico do comandante Lula poderá naufragar no mar da corrupção, desde que os deputados tenham coragem de aprovar a convocação do poderoso timoneiro do PT.  O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) anunciou que vai protocolar um requerimento pedindo a convocação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que, segundo ele, seria o responsável pelos investimentos da Petrobras desde 2003 na construção de refinarias, plataformas, navios-sonda e gasodutos.

SACANAGEM

O governo Dilma deu mais uma lição de sacanagem contra o povo brasileiro. Anuncia, faz estardalhaço na TV, gastando mais nossa grana, dizendo que há dinheiro para educação e depois dá calote na estudantada, frustrando mais ainda o povo que pensava estudar pelo Fies.

PRUDENTE

O secretário-executivo adjunto do Ministério da Educação (MEC), Wagner Vilas Boas, afirmou  que o ministro da Educação, Renato Janine, foi prudente ao condicionar à previsão de recursos a abertura de novos contratos de financiamento ao estudo superior (Fies). Ele participou de audiência pública da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados para discutir o possível corte no orçamento do MEC, previsto para ser anunciado no próximo dia 22. Mas Dilma Rousseff garante que há dinheiro para o Fies. Afinal, quem fala a verdade neste País de faz de conta, mas de verdade é roubado todos os dias pela companheirada?

MULHERADA

A bancada feminina da Câmara defendeu cota mínima de 30% das cadeiras do Legislativo para as mulheres. Durante audiência pública promovida pela Comissão Especial da Reforma Política, as deputadas criticaram a baixa representatividade da mulher na política brasileira.

HAITI

As mulheres representam atualmente 10% da Câmara dos Deputados, 16% do Senado, 11% das assembleias legislativas e 13,3% das câmaras de vereadores. O Brasil é o 124° país do mundo com menor representação de mulheres em seu Parlamento. Na América Latina, o País está à frente apenas do Haiti.  Louvável que se queira mais mulheres nos legislativos, mas aí têm que convencer o povão a votar nelas. Afinal, nem as mulheres acreditam nas colegas, posto que fazem parte da maioria do eleitorado, mas adora é bota ladrão no poder. Então, que a gente se ferre futebol clube.

 

 

 

logo
Rua Dom Bosco, 96 - Cirurgia 
Aracaju-SE - CEP: 49.055-340
Whatsapp:  79 99932-1656
Email: contato@gazetahoje.com