Projeto Rede Solidária de Mulheres lança plano de comunicação participativo

japaNa segunda-feira, dia 23, às 15h, no canal do Projeto Rede Solidária de Mulheres de Sergipe no YouTube, acontece o webinário marcando o lançamento do Plano de Comunicação Participativo, construído junto às mulheres que integram o Projeto. No plano, as mulheres indicaram estratégias de comunicação, de acordo com suas vivências e seus territórios, que servirão para destacar a associação e os seus produtos a curto, médio e longo prazo.

Durante a realização do Projeto Rede Solidária de Mulheres de Sergipe, a independência e a autonomia das mulheres são constantemente incentivadas. Para o plano de comunicação, as mulheres não apenas sugerem as ações, mas também ficam como responsáveis da realização das estratégias propostas.

“Por isso a gente sempre fala sobre a importância da comunicação com as mulheres, para que elas assimilem essa ideia e possam aplicar em suas comunidades, relações, redes sociais. Todas já tiveram contato com oficinas de comunicação e educomunicação e podem pensar e fazer comunicação para suas associações. As mulheres absorvem o conhecimento muito rápido porque elas se interessam pelas novidades e vai ser bacana acompanhar esse processo com a comunicação que elas vão desenvolver a partir do plano”, disse Marília Souza, jornalista do Projeto Rede Solidária de Mulheres.

O processo para a elaboração do plano de comunicação participativo se deu com encontros entre a equipe de comunicação do Projeto e as associações que integram a Rede Solidária de Mulheres de Sergipe. Com conversas sobre a história dos territórios, a produção dos alimentos e artesanatos, as limitações de cada área em relação a comunicação e quais os objetivos das mulheres com o uso das ferramentas de comunicação. Cada associação propôs estratégias que podem ser realizadas a curto, médio e longo prazo, de acordo com as possibilidades de realização reais de cada uma delas.

O plano de comunicação ficará disponível no site do Projeto Rede Solidária de Mulheres de Sergipe (www.redesolidariademulheres.com.br) em formato digital. O lançamento acontece na segunda-feira, dia 23 de janeiro, às 15h, no canal do Projeto no YouTube. O Projeto Rede Solidária de Mulheres de Sergipe é realizado pela Associação de Catadoras de Mangaba de Indiaroba (Ascamai), em parceria com a Petrobras e com o apoio da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e do Movimento de Catadoras de Mangaba (MCM).

Assessoria

 

 

logo
Rua Dom Bosco, 96 - Cirurgia 
Aracaju-SE - CEP: 49.055-340
Whatsapp:  79 99932-1656
Email: contato@gazetahoje.com