Cláudio “Botafogo” Messias - 23 de abril

LOUCOS

ClaudioO crescimento da arrecadação de Barra dos Coqueiros endoidou alguns políticos e, agora, um número enorme de bons rapazes quer tomar o doce de Airton Martins, PMDB, e se anuncia pré-candidato. Tem gente garantindo que é ilhéus desde a barriga da mãe, porque ficou dentro de uma bolsa de água, portanto, é da ilha de Santa Luzia. Outros prometem transformar a cidade no paraíso perdido. Na verdade, estão loucos pelo dinheiro dos cofres públicos municipais que a cada ano cresce mais. Como me diz um ex-vereador, o eleitorado da Barra mudou e muita gente terá surpresa na próxima eleição. Tomara.

 

MULTA

Moradores de Barra dos Coqueiros estão revoltados com o novo código de postura, que dizem foi implantado pelo prefeito. Agora, quem deixar material de construção na porta de casa e não colocar logo para dentro e foi pego pelos funcionários da prefeitura pagará uma multa de R$ 400,00. Para o prefeito fazer isso, ele tem a cobertura da Câmara Municipal, que deve ser questionada. Afinal, Airton Martins, PMDB, não é o todo poderoso e nem burro para cometer tamanha arbitrariedade. Alguma coisa está respaldada na lei.

ROBIN HOOD

Um cidadão me disse na Barra dos Coqueiros é que Airton Martins disse na Câmara que aumentou o IPTU, para que os ricos banquem as cestas básicas que ele distribui. Atualmente, são 800 e ele quer chegar a 3 mil. O que significa dizer que o prefeito quer mais pobres no município, uma vez que o ideal é executar uma administração que gere emprego e as pessoas não precisem viver de esmolas. A coisa está feia.

EXPULSÃO

Uma importante empresa está fazendo de tudo para expulsar dos pequenos comerciantes de uma faixa da Praia da Costa na Barra dos Coqueiros, para que os futuros moradores de um condomínio de luxo não acordem, vendo uma favela na frente de suas mansões. É importante que o Ministério Público Estadual averigue isso.

DESRESPEITO

O Brasil é mesmo o país do que o que eu tenho no banco é quanto vale a minha reputação e meu poder. Uma empresa do ramo imobiliário fez um canal artificial, rasgando uma extensa área de terra, para que os futuros moradores do condomínio que constrói tenham acesso ao rio Sergipe. O que se comenta na Barra dos Coqueiros é que o Ibama, Adema e o Ministério Público Federal faz de conta de que nada foi feito. Não aceito esta omissão, pois ainda confio no MPF. Se for verdade, infelizmente, estamos mesmo entregue aos desígnios de Deus.

SALVA-VIDAS

O itabaianense Gilmar Carvalho aprendeu a nadar e quer se transformar no salva-vidas da população de Barra dos Coqueiros. Vem conversando com algumas lideranças políticas, dizem que prometendo a bóia de salvação do município e outras coisas mais. É o famoso canto da sereia de um tubarão cabeça-de-bagre disfarçado de peixinho de decoração de aquário, me garante um ex-candidato a vereador, que está observando a movimentação política do rapaz, deputado aposentado, com um gordo salário, enquanto a maioria dos brasileiros, que garante a sua polpuda vantagem, não tem nem o da farinha e nem da cebola, que Itabaiana produz. E na Barra, por exemplo, muitos têm que atravessar a ponte, de pés, porque não sabem nadar e nem tem a grana da passagem. De ciência certa, este moçoilo tem todo o direito de mergulhar no tesouro, em que se transformou o município, mas não se sabe se emergirá com o troféu, que é à faixa de prefeito. Deus saberá se a Barra merece. Pior do que tá, será o inferno, completa o político. Juízo meu povo. Chega de errar e levar na cabeça por quatro anos, acrescenta o ex-candidato, que vem alertando a população contra os aproveitadores que resolveram chegar em bando na Ilha de Santa Luzia.

PASTORES

Muitos pastores descobriram que a política é outro meio de ganhar dinheiro fácil, enganando os fiéis eleitores. Nas próximas eleições, eles vão cair do céu igual chuva no inverno. Mas poucos têm realmente bons propósitos e não querem apenas o dízimo do povo, através dos salários, mas sim trabalhar para melhorar a condição de vida de cada cidadão. É preciso saber avaliar, para não se arrepender, após eleger Judas. Tem que se votar consciente, em nome de Jesus. Lembre-se que milagres não acontecem toda hora.

VOANDO

Nos bastidores são feitas contas sobre quantos dos 24 vereadores por Aracaju continuarão engordando as suas contas bancárias, a partir de 2017. Segundo alguns analistas, se as eleições fossem este ano, doze perderiam o baita do emprego. Outros acham que vai depender muito de quanto cada um vem economizando nestes dois anos e pouco de mandato.

QUER VOLTAR

Um ex-prefeito garante que retornará ao cargo de sua cidade dentro de mais alguns dias, porque o atual vai cair fora, por meio da Justiça. O dito cujo foi denunciado por abuso de poder e outras “coisitas” mais. O ex- já tirou até as medidas do terno, que usará na posse. Garante que não está preocupado com o menos de meio mandato, porque o importante é trabalhar por seu povo. Que bom.

SUGESTIVOS

As eleições têm realmente alguns nomes sugestivos e emblemáticos a exemplo do suplente de vereador Junior de Rapoza, com “z”. Este só deve comer galinha de raça, para ser diferente. Mas lá no seu município teve também os eleitores Mané do Povo, Fabinho de Zé de Darci, Dedé Pedral, Nego de Esmerina, Zé Raimundo de Mané Vaqueiro e Marcelo de Nadinho e os suplentes Gelhinho ,Moce, Tonho de Lica, Doca da Laginha. Perceberam que no interior tem sempre alguém de outros. É Zé de Tonho da Fobica, Mané de João Pesão e por ai vai. No caso do Rapoza, ele precisa comer peru, porque as galinhas não deram resultados e ficou na suplência. Desta vez, ele não cantou de galo no terreiro. Só papou 162 ovos, ou melhor, votos. Até que rima, mas não foram suficientes, para que ele subisse na tribuna da Câmara de Itabi e cantasse de capão.

É DE JOÃO

Apostam nos bastidores da política que o empresário e deputado estadual Robson Viana, PMDB, será o candidato do prefeito João Alves Filho, DEM, na sucessão do Negão. Mesmo ligado ao governador Jackson Barreto, PMDB, a quem deve a sua invenção política e sucesso nas eleições, Robson, segundo garantem avalistas, já poderá andar com pernas próprias, sem precisar de muletas eleitoreiras doadas pelo amigo JB. Vamos esperar. Se assim for, não será novidade, porque política é mesmo arte do diabo.

UNGIDO

Quem será o candidato a vereador em Aracaju ungido pelo pastor deputado estadual Antônio dos Santos, PSC? Tem gente apostando que chegou a hora do pastor Moisés, fiel assessor de Antônio dos Santos. Moisés perdeu o bonde, porque Roberto Moraes pulou primeiro e se elegeu.

QUAL É A SUA?

Mesmo, politicamente, se dizendo ligado ao deputado estadual pastor Antônio dos Santos, PSC, o ex-candidato ao Senado, Paulinho da Uniãotur, não jura fidelidade aos candidatos que Antônio apoiar nas eleições municipais. Paulinho, aquele que se notabilizou pela viradinha  (na TV) e o boneco gigante nas ruas, durante a campanha, diz que ficará com quem lhe oferecer estrutura de campanha. Ou seja, o candidato para ter o trabalho de Paulinho deve ter uma conta bancária recheada, porque o rapaz pensa alto e suas coisas são de primeiro mundo, o que significa elevação de gastos, para se ter uma campanha profissional, igual o que se faz nos Estados Unidos da América. Como estamos no Brasil, Paulinho poderá ter dificuldades para encontrar um milionário disposto a ser parlamentar municipal. Se quiser um sapato furado ou pé rapado, não terá dificuldades, para encontrar quem apoiar. Pelo menos Paulinho conta com o apoio do seu fiel escudeiro Dedé, que não é o dos Trapalhões.

 

 

 

logo
Rua Dom Bosco, 96 - Cirurgia 
Aracaju-SE - CEP: 49.055-340
Telefones: 79 3214-5421 / 3044-0783
Email: contato@gazetahoje.com