ENEM: confira dicas de preparação para a reta final da prova

vaisimPara a professora da Unit Ana Claudia Mota, ainda vale uma última revisão nos assuntos de maiores dificuldades, mas não é o ideal aprender assunto novo neste momento.

Depois de um ano bastante desafiador para os estudantes, chegou a semana do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM 2020. Na reta final, a ansiedade e a insegurança tomam conta dos candidatos, principalmente após tantas mudanças e adaptações, entre elas as aulas on-line e as datas das provas. Em formato diferenciado por conta da pandemia do novo coronavírus, as provas presenciais serão realizadas nos dias 17 e 24 de janeiro e, pela primeira vez, acontecerá o ENEM digital nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021.

Os participantes fazem provas de quatro áreas de conhecimento: a) linguagens, códigos e suas tecnologias; Ciências Humanas e suas tecnologias; Ciências da Natureza e suas tecnologias e Matemática e suas tecnologias. No total, 180 questões, ao todo. Além disso, os candidatos também são avaliados por meio de uma redação.

Mas o que fazer ainda nos dias que antecedem a aplicação da prova? Para a professora da Universidade Tiradentes Ana Claudia Mota, o momento é de revisar os conteúdos com mais dificuldade. “Normalmente, nós temos noção de quais são as nossas lacunas, então é importante focar as revisões no estudante que tem mais dificuldade. Se for a redação, já que sabemos que é um dos maiores diferenciais na pontuação final do exame, o momento é de exercitar mais a escrita e buscar ler, sobretudo em fontes confiáveis”, comenta a docente. 

“Uma semana antes da prova, aprender conteúdo novo não é o ideal, e sim revisar tudo aquilo que já foi estudado ao longo do ano. É ser de fato internalizada aquela informação, aquele saber. É importante organizar o tempo, ter o horário de estudo e não exceder. O ENEM é uma prova muito longa e é interessante que o estudante esteja descansado fisicamente e psicologicamente para esse exame”, acrescenta. Doutora em Letras pela Universidade de São Paulo, Ana Cláudia atua como assessora do Programa de Gestão de Aprendizagem e é membro titular do Núcleo de Desenvolvimento Docente – NDD – com atuação na formação dos professores na universidade.

Outra dica é investir em atividades que forneçam sensação de bem-estar. “As pessoas têm investido muito em meditação ou ioga, correr ou caminhar, enfim, nesse momento, se o estudante já fazia uma atividade física, continue mantendo. Talvez não seja o momento de iniciar, com muito foco, mas atividades que não exigem tanto esforço físico, certamente, são fundamentais e que dialogam diretamente com a questão psicológica”, salienta.

Quanto à redação, a professora chama a atenção para a leitura em temas da atualidade. “Leitura e escrita se complementam. Logo, não tenho como produzir um bom texto se eu não leio e não faço leituras que agreguem valor e não sei a minha compreensão de mundo”, observa.

“Neste momento, é importante que os alunos se atentem aos temas de atualidade. A pandemia é algo muito marcante, o trabalho remoto, as mudanças que ocorreram nesse âmbito profissional, questões sanitárias, a questão econômica, enfim, tudo isso impactou muito. É importante que se esteja atento ao que acontece no mundo. Busquem escrever, selecionem temas e exercitem a escrita”, complementa.

 ENEM Check

Além de acolher os estudantes, instituições de ensino também preparam momentos de revisões finais para tranquilizar os estudantes. Entre essas opções, a Universidade Tiradentes preparou uma série de lives com diversas aulas, conteúdos exclusivos e completos e um time com os melhores professores. Os encontros virtuais iniciaram na última segunda-feira, 11, e seguem até sexta, dia 15. Na segunda semana, as revisões acontecem de 18 a 22 de janeiro.  Acesse www.unit.br/enemcheck, faça sua inscrição e confira a programação completa.  

 Sobre as provas

Será obrigatório o uso de máscara durante toda a aplicação do exame. A recomendação é que os candidatos levem outra máscara para trocá-la durante o exame, seguindo as orientações do Ministério da Saúde. Os participantes devem também manter distância uns dos outros.

Por ocorrer em meio à pandemia, o exame terá outra particularidade. Os participantes que forem diagnosticados com Covid-19 ou com outra doença infectocontagiosa, como sarampo, rubéola, varíola e influenza humana A e B, terão outra chance de fazer o exame, na reaplicação da prova. O atestado médico poderá ser enviado ao Inep pela página do participante até um dia antes da aplicação. Caso a doença seja confirmada no dia do exame, o participante deverá entrar em contato pelo telefone 0800616161.

Assessoria de Imprensa

 

logo
Rua Dom Bosco, 96 - Cirurgia 
Aracaju-SE - CEP: 49.055-340
Telefones: 79 3214-5421 / 3044-0783
Email: contato@gazetahoje.com