Região Nordeste registra o etanol e a gasolina mais caros no início de junho

Categoria: Mais Notícias Escrito por José Raimundo Feitosa

gasososA Região Nordeste apresentou cenário de alta nos preços durante os primeiros 15 dias de junho de acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL). Os valores que desde janeiro vinha caindo tiveram uma ligeira alta no período. A gasolina que em maio foi vendida ao preço médio de R$ 4,011 já pode ser encontrada a R$ 4,105, alta de 2,34%. O etanol também teve aumento, 0,86%, chegando às bombas nordestinas por R$ 3,365. Já o preço do diesel comum esteve no mesmo patamar de maio e continua a ser vendido pela média de R$ 3,210 por litro, enquanto o diesel S-10 teve aumento de 0,59% e foi comercializado a R$ 3, 239.

“O comportamento dos preços dos combustíveis foi de alta em todo o País devido ao aumento no repasse às refinarias que já havia sido anunciado em maio. O Nordeste acompanhou esse cenário, mas trouxe um fato diferente quanto ao diesel comum, que manteve a mesma média do fechamento de maio. Pode ser que esse preço tenha uma alteração até o final do mês, mas precisaremos analisar o cenário até lá para entender se essa variação será de acréscimo ou decréscimo”, analisa o Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil, Douglas Pina.

Ao analisar os preços nos Estados nordestinos, o IPTL aponta que o Piauí continua vendendo a gasolina mais cara da região por R$ 4,393, um aumento de 3,4% em relação a maio. O Estado também tem o maior valor para o diesel que foi vendido a R$ 3,356, com uma ligeira alta de 0,5%. Já o diesel mais barato está no Rio Grande do Norte, comercializado a R$ 3,025 com recuo de 0,80%. A gasolina mais barata foi encontrada nas bombas Paraibanas por R$ 3,853 mesmo com alta de 2,4%.

Os dados do IPTL ainda apontam para um aumento de consumo do etanol em alguns Estados como Maranhão, Pernambuco e Rio Grande do Norte que em maio não haviam registrados dados de consumo suficientes para análises. O Maranhão inclusive desponta com o etanol mais caro da região nesse início de junho. O combustível foi comercializado a R$ 3,655.

Ainda de acordo com o estudo realizado pela Ticket Log, os preços apresentados nessa primeira quinzena de junho demonstram que, embora existam perfis diferentes em cada veículo, foi mais vantajoso financeiramente abastecer com gasolina em todos os Estados do Nordeste.

Sobre a Ticket Log

A Ticket Log integra a divisão de Frota e Soluções de Mobilidade da Edenred Brasil, juntamente com Repom e Edenred Soluções Pré-Pagas, com o propósito de valorizar o tempo das pessoas para que possam aproveitar mais e melhor a vida. A marca, que atua no mercado urbano, conecta pessoas e empresas a uma mobilidade inteligente por meio de soluções inovadoras que otimizam processos e apoiam no controle da gestão de deslocamento para organizações de todos os tipos e tamanhos.

Com mais de 25 anos de experiência, a Ticket Log conta com 30 mil empresas-clientes, administra, por ano, 1 milhão de veículos em sua base de clientes e quase 2,5 bilhões de litros de combustível, com uma rede de mais de 36 mil comerciantes credenciados. Entre os produtos disponíveis, estão: Ticket Car com a funcionalidade Log&Go, que permite o pagamento de diferentes meios de transporte e serviços veículos, como lavagens ecológicas de automóveis (App Easy Carros), caronas compartilhadas (App Zumpy), serviços de assistência 24h (App Fácil Assist) e recarga do bilhete único (Onboard Mobility); Ticket Fleet e Gestão de Manutenção.

A marca é uma das Maiores e Melhores do Transporte na categoria “Automação e Informática”, no prêmio promovido pela OTM Editora e foi reconhecida como uma das “As 500 Maiores do Sul”, ranking promovido pela revista Amanhã. Também foi eleita uma das melhores empresas para trabalhar na região Sul pela consultoria global Great Place to Work ® Institute (GPTW).

RPMA Comunicação