Fames marca reunião de emergência

merendaA Federação dos Municípios de Sergipe (Fames) marcou reunião de emergência para hoje, por volta das 08 horas, para discutir as denúncias que estão sendo feitas pelo repórter Roberto Cabrini, através do seu programa “Conexão Repórter”.

Merenda Escolar estará em pauta pela repercussão que alcançou a primeira reportagem sobre as fraudes nas licitações, que resultou no pedido de demissão da prefeita Rivanda Farias de São Cristóvão. O próximo programa vai tratar da questão da merenda escolar na cidade de Nossa Senhora do Socorro.

Em Neópolis, o prefeito Amintas Garcez (PDT) já tomou providência imediata, diante das denúncias de Cabrini: na sexta-feira (05) decretou a suspensão por prazo indeterminado de todos os contratos administrativos firmados no mais recente processo licitatório. Também sustou o pagamento das empresas vencedoras.

A razão da sindicância é apurar possíveis irregularidades no processo de concorrência.

A partir das denúncias de Cabrini sobre a questão da Merenda Escolar, já se vê efeito prático, com os alunos passando a fazer as refeições com arroz, feijão, carne, franco, ovos e saladas, como recomenda o Ministério da Educação, embora pague apenas 30 centavos por aluno/dia.

Até o momento não se tem informação de algum empresário integrante da quadrilha preso ou se há abertura de inquérito sobre as fraudes na Merenda Escolar.

Fonte: Faxaju

logo
Rua Dom Bosco, 96 - Cirurgia 
Aracaju-SE - CEP: 49.055-340
Telefones: 79 3214-5421 / 3044-0783
Email: contato@gazetahoje.com